Linhas de pesquisa

Nos últimos anos, lideramos vários projetos onde se estudam os intercâmbios artísticos entre Andaluzia e América, o que se traduz em resultados visíveis em nossa página web. Em processo continuado, depois de estudar os âmbitos territoriais da América Espanhola, centramos o foco atual naquilo que denominamos territórios periféricos Estados Unidos e Brasil; espaços de altíssimo significado cultural onde a presença andaluza é mais importante do que poderia parecer numa primeira visão superficial.

Os âmbitos de estudo e objetivos gerais do projeto serão:

  • A influência e presença de artistas andaluzes na arte brasileira e norte-americana durante os períodos de dominio hispânico.
  • As migrações de artistas durante os séculos XIX e XX.
  • O impacto ocasionado na religiosidade do Brasil e dos Estados Unidos a partir da introdução de devoções andaluzas, visíveis em obras artísticas.
  • O papel desempenhado por mecenas e comitentes oriundos da Andaluzia nesses territórios americanos.
  • A chegada de obras procedentes dessas geografias que se integram no patrimônio andaluz atualmente.
  • A importância dos bens patrimoniais de origem andaluza nas coleções norte-americanas atuais.
  • A influência orientalista de raiz andaluza perceptível nos territórios atuais do Brasil e dos Estados Unidos.